Copa do Mundo: Um gol ou um pênalti perdido no mercado imobiliário

Os pessimistas, sem dúvida, apostam no fiasco. Afirmam que as obras não ficarão prontas a tempo, fazem contas desfavoráveis à economia e traçam, por vezes, um cenário bastante preocupante para o País, seja no período pré ou pós Copa do Mundo.

A verdade é que não se pode negar a grande influência de um evento como esse na economia do país sede. Anos antes, já começam a ser percebidas as profundas mudanças e o grande investimento feito pelos governos para melhorar a infraestrutura local. E isso, sem dúvida, se reflete no mercado de imóveis.
Não é preciso ser especialista no assunto para concluir que, ao levar adiante projetos que beneficiem o trânsito, criem novas vias de acesso aos bairros, melhorem o setor hoteleiro e de turismo, todo o entorno também colherá bons frutos, inclusive através da valorização dos imóveis que está intrinsecamente ligada à estruturação das cidades.
Haverá investimentos na maioria das Capitais, seja em portos, aeroportos, abertura de novas avenidas, incremento nos meios de transporte, além da geração de empregos diretos e indiretos, o que também propicia aquecimento no setor imobiliário. Afinal, quem consegue um emprego em um determinado bairro, está mais propenso a buscar uma moradia na vizinhança, facilitando sua rotina diária. E além disso, quanto mais empregos gerados, maior o potencial econômico das famílias e maiores as chances de intenção de compra de imóveis.
Ao sediar um evento desse porte, o País passará, em 2014, a ser o foco das atenções e, se conseguirmos man

ter a boa imagem de nação sobrevivente a crises, certamente os holofotes dos investidores se voltarão para nós e isso inclui, sem dúvida, o segmento de imóveis.
Não se podem desconsiderar todos os efeitos da Copa no setor imobiliário, haja vista toda a infraestrutura que está sendo preparada para receber esse evento e que, evidentemente, permanecerá quando a Copa terminar.
Dessa forma, seria um contrassenso afirmar que haverá severa desvalorização nos preços dos imóveis ao final do campeonato. Até porque, os preços já estão se estabilizando em patamares mais razoáveis, por conta do próprio momento econômico do País. Estamos presenciando apenas uma certa desaceleração, o que não significa que as propriedades passarão a valer menos. Indica, sim, que a valorização será menos agressiva ao bolso das famílias, permitindo uma aquisição mais tranqüila.
Pode se prever que o panorama dos imóveis pós Copa vai acom

 

panhar a própria economia do Brasil, com momentos de valorização constantes, mas sem sobressaltos exagerados. Para quem tem apostado em um time de vencedores como o do setor imobiliário dos últimos anos, vale continuar vestindo a camisa até o apito final, e garantir um gol de placa para o seu investimento.

Fonte: http://www.crecisp.gov.br/exibir.asp?id=2430&edicao=587

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s