Conheça a Operação Urbana Água Espraiada

LINE SP me liga1A Operação Urbana Consorciada Água Espraiada (Lei nº 13.260/2001 e Lei 15.416/2011) foi a primeira aprovada após o Estatuto da Cidade e já nasceu como “Consorciada” podendo utilizar plenamente os dispositivos da lei federal. Tem como diretriz principal a revitalização da região de sua abrangência com intervenções que incluem sistema viário, transporte coletivo, habitação social e criação de espaços públicos de lazer e esportes.

O perímetro da operação foi subdividido em seis setores: Brooklin, Berrini, Marginal Pinheiros, Chucri Zaidan , Jabaquara e Americanópolis, cada um com estoque de área construída adicional específico, sendo que o total de estoque da operação é de 3.750.000 m². A Ponte Otávio Frias Filho (Ponte Estaiada), já concluída, foi executada com recursos oriundos da operação.

Estão sendo concluídos os empreendimentos habitacionais destinados à população moradora do Jd. Edith e demais assentamentos irregulares ao longo do Córrego Água Espraiada que serão atingidos pelas obras de prolongamento da Av. Jorn. Roberto Marinho: HIS Jd. Edith (das 252 unidades habitacionais previstas, 92 já foram entregues, além de creche. As 160 unidades restantes, mais escola e UBS estão com previsão de entrega para abril de 2013), HIS Washington Luiz/Estevão Baião (338 unidades habitacionais, sendo que 38 já foram entregues (Iguaçu e Gutemberg) com previsão de entrega das unidades restantes para o segundo semestre de 2013) e HIS Corruíras (244 unidades habitacionais previstas para serem entregues em março de 2013). Além dessas, 4.000 HIS já foram licitadas em convênio com o CDHU para atendimento complementar da demanda.

Operação Urbana Aguas Espraiadas.Estão em andamento projetos e obras relativos às vias locais do Brooklin, prolongamento da Av. Jornalista Roberto Marinho até a Rodovia dos Imigrantes (Túnel e Via Parque – vias de acesso local aos bairros da região e um grande parque linear com aproximadamente 612 mil m²), Parque Chuvisco e prolongamento da Avenida Chucri Zaidan , que se estenderá até a Avenida João Dias. Em atendimento à Licença Ambiental Prévia da Operação Urbana Consorciada Água Espraiada, foi incorporada a construção de uma ponte entre as pontes do Morumbi e João Dias.

As Linhas 5 Lilás do Metrô e Linha 17 Ouro – monotrilho terão aporte de recursos da operação urbana mediante convênios firmados entre o Estado e o Município de São Paulo, como parte integrante das intervenções relativas a transporte coletivo.

Os recursos para financiar tais intervenções são oriundos da venda em leilões de Certificados de Potencial Adicional de Construção – os CEPAC, e também de investimentos do orçamento do município.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s